Itália Gold é campeã do GP Challenge 2013 (Veronica Formigoni)-25/02/2013

A égua confirmou o favoritismo e irá representar o Brasil na final do Mundial nos EUA concorrendo a US$ 300 mil 

O Jockey Club de Sorocaba em parceria com a AQHA e a ABQM realizaram a final do GP South America Rancing Challenge 2013, no dia 24 de fevereiro.

Com oito animais na disputa do páreo de 402 metros sem trilhos, a emoção tomou conta de todos, em especial dos proprietários que estavam na expectativa e ansiosos por uma vitória.

Os criadores dos animais também estavam na torcida, como é o caso do criador Erico Braga que tinham dois filhos de seu garanhão Granite Lake na disputa.

“É o único garanhão que até hoje colocou dois filhos na final do Challenge, isso é maravilhoso, estou torcendo por eles, mas o importante que começamos bem,” declara Erico Braga.

O páreo foi bem disputado com a vitória de Itália Gold, que tinha o favoritismo no GP, cruzando a linha de chegada conduzida por A.Dutra com o tempo de 21s46.

A égua é treinada por M.C Cruz, filha de Gold Medal Jess e Jusjumpim, da criação de Gianni Franco Samaja e propriedade do Haras São Matheus, que além dela também teve mais dois outros animais na disputa.

“Desde o começo da preparação dos animais para o Challenge, vimos nela uma égua de atitude e ela vinha evoluindo numa crescente desde julho, ganhando tudo. A esperança em cima da Itália era muito grande, tanto que o Sr. Ovídio comprou 50% do pai dela junto com Gianni, nessa genética. E ela se confirmou tanto nas classificatórias com o melhor tempo, como agora na final com uma atuação impecável, sendo campeã. Tudo isso é merecimento do Sr. Ovídio e a dona Bete, que não medem esforços para terem animais de alto nível e investem muito em genética. Agradeço a toda a equipe do Haras São Matheus pelo cuidado com nossos animais, em especial aos veterinários André Carrascoza e Bruno Bonin,” declara Guilherme Gregolim, assessor do Haras São Matheus.

Itália Gold recebeu como premiação R$100.800 mil, além de ir representar o Brasil em novembro na final do Mundial nos EUA.

O segundo lugar foi comemorado pelo Haras Vista Verde, com Tiger Verde que conduzido por N.L.Silva fez os 402 metros em 21,59. O animal é filho de Dash To Chivato e Streakin High (On A High) e treinado por A.J Macedo.

Já o terceiro lugar foi de Eletrika Bryan PK com o tempo de 21s71, conduzida por M. Pereira e treinada por L.Leguizamon a égua é filha de Appeals King Special x Penta Bryan PK, de criação de Plínio Rezende Kiehl e propriedade do Stud Viva Bahia.

O GP foi transmitido ao vivo via internet pelo Horse Brasil e foi acessado por diversas cidades e estados do país, além de mais oito países.

Para mais informações sobre os resultados acesse www.jockeyclubdesorocaba.com.br

Verônica Formigoni

 Informações a Imprensa
Almeida Passos Assessoria
(15) 8108-7724/ 9101-7747
www.almeidapassos.com.br