Gilvan Costa é o destaque brasileiro no 19º Barretos International Rodeo-01/09/2011

As disputas da grande final do 19º Barretos International Rodeo contou com cinco finalistas em cada uma das modalidades. E o grande destaque brasileiro ficou com o competidor Gilvan Costa, de São José do Rio Preto/SP, que pela primeira vez venceu uma competição na modalidade e levou o título do Rodeio de Barretos.

    Os cinco melhores classificados nas noites de sexta e sábado compuseram os cinco finalistas na Sela Americana e no Bareback do 19º Barretos International Rodeo. Na Sela, dos competidores internacionais, apenas um americano esteve na disputa. Já no Bareback, um americano e um mexicano disputaram o título com os brasileiros. O principal destaque ficou com o competidor Gilvan Costa, que representou muito bem o Brasil no rodeio e levou o título de campeão da festa.
    Gilvan já havia feito a melhor nota na noite de sábado e também marcou a maior nota na final, empatado com o americano Timothy John Hensley. O campeão montou na égua Texas Indian, da Pro Horse, e desde o início acreditava na vitória, tirando a nota 76. Já o americano se apresentou na Space Montain, da Pro Horse, marcando a mesma nota, mas na somatória geral ficou dois pontos atrás de Gilvan, o “Baixinho” de Rio Preto.
    Aos 40 anos de idade, Gilvan já montou em touros, ficou um tempo longe do rodeio e voltou em 2007, com o início da Pro Horse, para disputar provas na modalidade Bareback. Participando do Top Team Cup, já ficou várias vezes em segundo, terceiro e quarto lugares, mas nunca foi campeão em um rodeio. A estreia foi em Barretos e com muita comemoração.
    “Esta vitória foi o melhor de tudo! Eu sempre quis ganhar uma etapa, imagine ganhar Barretos então? Parece que era para dar certo mesmo, pois quando sai de Rio Preto para Barretos, já estava atrasado e no meio do caminho, fundiu o motor do meu carro. Então, para não perder o rodeio, peguei uma carona e deixei o carro na rodovia. Cheguei na festa em cima da hora e tudo deu certo!”, conta o campeão.
    Gilvan explica que mesmo tendo feito a melhor da noite no sábado, a diferença de pontos entre os outros competidores era muito pequena. Quando saiu o sorteio da final, viu que as éguas favoritas para dar notas altas, tinham caído com o americano e o mexicano. Nem assim desanimou. Os amigos falavam que não ia dar certo, mas ele acreditou e falou que “o rodeio só estava perdido quando terminasse de montar”.
    “Fiz a minha parte e a égua pulou como nunca. Foi muito bom. Acredito que era realmente para eu ganhar este rodeio”, afirma.
    O campeão conta que desde 2007 monta na modalidade Bareback, mas que não participou de muitos rodeios. Para Barretos, treinou montando no Rodeio de Floreal, num animal da modalidade Cutiano, sem dizer na academia que ajuda na resistência física.
    “A adrenalina de montar em Barretos ou em outro rodeio é a mesma, só que aqui todo mundo quer esta fivela, além da premiação, é claro, que vai dar para arrumar o meu carro”, brinca Gilvan.

Sela Americana
    Na modalidade Sela Americana, apesar do competidor Leandro Baldissera ter feito a melhor a noite montando no animal Fire Woman, da Pro Horse, com a nota 79 pontos, quem levou o título de Barretos foi o americano Curtis Garton. Ele montou no animal Big Gun, da Pro Horse e tirou a nota 74, somando 145,50 pontos.
    Leandro Baldissera ficou em segundo lugar, com 2,5 pontos atrás do campeão e, José Antônio Fazion, de Pirajuí/SP, ficou com a terceira colocação. Ele se apresentou no animal Turcão, da Cia Vale da Piedade e marcou 73 pontos, com a somatória de 139 pontos.
Resultados finais
    Confira aqui como ficou o resultado final do 19º Barretos International Rodeo.

Sela Americana
1º Curtis Garton (Estados Unidos), 145,50
2º Leandro Baldissera (Capão Bonito/SP), 143,00
3º José Antônio Fazion (Pirajuí/SP), 139,00
4º Vilson Martins Araújo (Herculândia/PR), 127,00
5º Luís Carlos Rodrigues (Tatuí/SP), 60,00

Bareback
1º Gilvan da Silva Costa (São José do Rio Preto/SP), 147,50
2º Timothy John Hensley (Estados Unidos), 145,50
3º Leandro Medeiros (Terra Roxa/SP), 144,50
4º Luiz Carlos Moreira (São Paulo/SP), 143,50
5º Gabriel Gomes (México), 139,00
    Mais informações: www.prohorserodeo.com.br e no twitter @prohorserodeo